Facebook
Twitter
Twitter
Google +
Home  |   WebMail  |   Fale Conosco
Publicada: 26/01/2018 11:06:57-MT
Moradores de Jaciara sofrem com o alto preço do gás de cozinha
Foto: Clinton Davisson O Diário de Mato Grosso

Vários moradores de Jaciara se queixam da alta do preço dos botijões de gás no município. Embora em todo o país, o preço do botijão de gás teve em 2017 a maior alta desde 2002. Particularmente em Jaciara o aumento parece estar superando a média nacional e a de alguns municípios vizinhos. A variação de preço ocorre de maneira estranha. Em Dom Aquino e Campo Verde, por exemplo, o preço do gás é de R$ 110 reais. Média semelhante a de Jaciara. Já em Cuiabá, o preço cai para R$ 95 reais. Em Rondonópolis, o preço cai ainda mais e varia entre R$ 85 a R$ 90.

Já em municípios mais afastados, o preço despenca e vai para R$ 80 reais em municípios como Barra do Garça e Cáceres.

Para a professora, Lucineia Alves dos santos, o preço abusivo do gás na região é um desrespeito aos moradores. “Daqui a pouco o gás vai custar um salário mínimo e teremos que usar fogão à lenha. Só os ricos vão poder ter esse luxo”, ironiza.

Quem também se revolta contra esses abusos é a historiadora e pedagoga, Ester Assalin, que, por motivos de estudos, sempre viaja para Cáceres, onde o gás custa em média R$ 80. “Aqui em Jaciara faz tempo que o valor do gás fica acima de outros lugares. Os próprios funcionários das empresas de gás me aconselham a comprar o gás lá em Cáceres e trazer para cá”, relata.

A média do preço gás no Estado do Mato Grosso é em geral mais cara que a média nacional. Em municípios do Rio de Janeiro a média é de R$ 65 a R$ 75. Média que se repete em São Paulo, por exemplo.
De acordo com os dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), o preço médio do botijão de gás em dezembro de 2017 chegou a R$ 66,53, alta de 16,39% com relação ao verificado no mesmo mês de 2016, já descontando a inflação no período.

Aumento maior do que esse, só em 2002 (34%). Naquele ano, assim com em 2017, a Petrobras inaugurou uma política de acompanhamento mais próximo das cotações internacionais dos combustíveis. Resta saber por que o gás é mais caro no Mato Grosso e por que é muito mais caro em Jaciara e região.

 

Fonte: O diário de Mato Grosso



PUBLICIDADE